OS FILTROS SOLARES QUERIDINHOS DAS SEGUIDORAS

Top 5 Livros de 2018

Resenha Gloss Lip Volume Hialurônico Blant

Espuma de Limpeza Facial Cicatricure

1 peça 5 looks: Chemise

Esponja de silicone para limpar a pele

Minhas novas tatuagens

Resenha Spray Dumb Blonde Bed Head TIGI – toning protection spray

Cupom de desconto Glambox

Categoria: #RASUSTENTAVEL

14ago/16

Meu suco verde e água saborizada | VEDA

#RASUSTENTAVELLyfestyleVídeos

Falou em dieta/alimentação saudável, falou em suco verde. Eu confesso que isso sempre foi um problema pra mim. Além de achar o gosto horrível achava que era grosso demais pra beber, praticamente indigesto. A questão de beber água, cerca de 2 litros por dia também é algo bem custoso pra mim. Felizmente algumas dicas e truques fizeram toda a diferença nesse processo e hoje finalmente eu tenho hábitos melhores e mais saudáveis por causa disso.Hoje eu vou mostrar pra vocês como eu faço meu suco verde e ainda uma opção de água saborizada pra dar aquele charme na sua água de todo dia e te motivar a levar uma vida mais saudável e leve.

Clique em PLAY para assistir ao vídeo!


As medidas do suco são:

  • 1 copo de água (eu uso gelada)
  • 4 folhas de hortelã (pode congelar junto com as folhas)
  • 1 saquinho de mix de folhas verdes ( lavo e seco bem, depois pico grosseiramente com as mãos e em cada saquinho contém um punhado de folhinhas de rúcula, uma folha de alface ou espinafre e meia folha de couve. Não precisa ser exatamente essas – exceto a couve que é importante – mas é legal você ter sempre 3 folhas, de tons de verde variados. Compro um maço de cada e divido em pequenas porções por cada saquinho, dá pra mais de uma semana).
  • 1 rodelinha de gengibre

É importante as folhas estarem bem sequinhas quando você for congelar, ok? E não precisa cortar com a faca nem picar muito, só rasgar e colocar todas no saquinho. Pra fazer a água saborizada eu uso:

  • 1 garrafa ou copo com água
  • Rodelas de frutas cítricas ou pepino e hortelã.

Você também pode acrescentar gengibre ou outras frutas que você gostar! Experimenta dessa forma e depois me diz como foi a experiência!

 

Tags:
10ago/16

O que é alimentação balanceada? | VEDA

#RASUSTENTAVELDietaVídeos

Toda vez que a gente fala sobre dieta, reeducação alimentar e essas coisas, sempre se ouve dizer: é preciso ter uma alimentação balanceada. Mas afinal, o que é isso? Como fazer isso? É exatamente isso o que trata esse vídeo. Nele a Madeleine explica o que são as boas gorduras, os bons carboidratos e onde obter as proteínas. Tá super bem explicadinho, tenho certeza de que vai ser de grande ajuda!

Clique em PLAY para assistir ao vídeo!


Viram? É mais fácil do que a gente imagina, só precisamos saber o que podemos comer e como conciliar com o restante dos nossos alimentos e nossas refeições durante o dia. Se a gente tiver um pouquinho de cada grupo desses alimentos no nosso prato, estaremos com uma refeição balanceada e completa.

Se ficou alguma dúvida, deixa aqui nos comentários!

20jul/16

Começando a etapa detox do #RASUSTENTÁVEL

#RASUSTENTAVELLyfestyle

E finalmente chegou! Sim, estou mega ansiosa. Eu sei que não vai ser impossível, como também sei que vou precisar manter esse ânimo e foco por toda a etapa, mas finalmente chegou. Amanhã eu começo uma nova fase na minha vida, aquela que vai mudar o que eu sou e minhas escolhas pra sempre. Eu estou muito de boa com isso, tenho a certeza de que é o melhor que posso fazer por mim ~ já devia ter feito há muito tempo, mas o importante é começar de alguma forma. 

Então hoje eu peguei meu cardápio da primeira semana de desintoxicação. Basicamente essa etapa (que vai durar um mês) consiste em comer alimentos de verdade, nada de produtos alimentícios ou industrializados. Então, na minha “dieta” tem legumes, verduras, frutas e carne. Nada de leite e derivados, nada de glúten, nada de açúcar nem comida de mentirinha ~ biscoitos, pães, massa, chocolate, doces, refrigerante, bolo, tortas e essas coisas. Então aqui também posso comer oleaginosas, leite vegetal e boas gorduras como óleo de coco e abacate.

Por mais que pareça impossível e que dê a sensação de que eu passarei fome, fiquei surpresa de como eu tenho ainda muita variedade. Vou dar um exemplo de um dia aleatório na minha dieta. Olha só como não é difícil e nem tão restritiva assim:

 photo 001_zpspbwhb45t.jpg

Viram como não é absurdo? É só ter em mente que devemos comer comida de verdade e pronto. Então, sabendo disso, algumas dicas são mega importantes pra começar de fato essa nova vida. Quero dividir com vocês o que me ajuda muito e faz com que você resista à tentação de ceder.

PLANEJAMENTO É FUNDAMENTAL

Antes de começar qualquer coisa, você precisa se planejar. Ver o que tem em casa, o que falta, o que de fato vai precisar e garantir que tudo estará ali quando chegar a hora de usar. O legal de se organizar por semana é que você não compra coisas em excesso e tudo fica sempre fresquinho. Aos poucos você vai se acostumando com as quantidades, o que dá pra estocar por mais tempo e o que você nunca pode deixar faltar.

No curso eu aprendi que não ter algo que você precisa na hora certa é uma grande oportunidade pra deixar de lado e acabar enfiando o pé na jaca. Se você se organiza, compra (o que equivale a gastar dinheiro) e tem em casa, fica muito mais difícil desistir e te ajuda a administrar seu tempo, agilizando na hora de preparar. Sem falar que dá muita pena de jogar dinheiro fora, não é mesmo?

Então, sente agora e faça uma lista de tudo o que falta pra você começar. Pense em pequenas quantidades, lembre-se de que alguns alimentos precisarão de potes e faça as contas de quanto de cada você precisará. Não se esqueça das frutas dos sucos, das que você comerá na rua ou na hora do lanche e reserve também um dia pra comprar e horas do seu dia pra preparar. Nada pode ser uma desculpa pra você não fazer!

ORGANIZAR É MÁGICO!

Sabe uma coisa que ajuda muito? Organização. Sério! Desde o armazenamento até a hora de lavar louça. Depois de tudo comprado, é hora de organizar. Separe os temperos, grãos e oleaginosas em potes, todos bem especificados. Vale colar papelzinho, escrever com caneta permanente e o que for preciso, mas é importante que você especifique o que é. Como eu compro pouca quantidade, não coloco data de validade porque consumo rápido, mas se você comprar mais quantidade, não se esquece disso.

 photo 003_zpsy4kqcoqk.jpg

Potes de maionese e azeitona, daqueles de vidro são perfeitos porque vedam bem e não pegam gosto. A minha dica é sempre escolher aqueles que fechem bem e que você consiga transportar com facilidade. Aqueles de biscoito são de rosca é é uma bênção! Agora é só deixar todos juntinhos num cantinho da sua cozinha pra facilitar na hora de cozinhar.

Uma coisa que me ajuda muito é ir lavando as coisas conforme for sujando. Quando eu cozinho, enquanto o arroz está no fogo ou a verdura seca, já vou lavando o que está sujo e esvaziando a pia. Antes de começar a cozinhar, separo todos os ingredientes que vou precisar e já deixo pertinho. Acabou de usar? Guarde imediatamente e será menos um trabalho depois que tudo acumular.

E se vou sair de casa, já separo o que vou levar pra comer e me planejo pra caso passe mais tempo do que uma única refeição bastará. Assim não passo fome e nem tenho desculpa pra comer porcaria.

REGISTRE TUDO O QUE COMER

Isso mesmo, use um caderninho como se fosse um diário. Anote tudo o que comer, no horário em que fez e ainda as quantidades. Isso te ajuda a ter controle, mantém o foco e ajuda a não se “esquecer” de possíveis jacadas que magicamente somem da nossa memória e nos faz sentir mal depois, sem saber onde errou.

 photo 002_zpslymee2fw.jpg

É legal também você registrar como se sentiu, o que fez que foi legal, algum tempero diferente. Isso parece perda de tempo e trabalho, mas na verdade é um ganho imenso de qualidade e incentivo. Se você acha muito trabalhoso anotar tudo, tire uma foto! Você pode salvar no rolo de câmera do seu celular e posteriormente organizar por pastas ou ainda fazer um instagram pra compartilhar. Não precisa ser o seu, pode criar um paralelo se preferir. Eu tinha o @biajiacominefit, mas agora vai se chamar @rasustentavel, com mesmo nome do projeto – pode me seguir por lá que amanhã mesmo tem toda minha rotina documentada, cada comidinha que entrar na minha barriguinha.

ANTES, DURANTE E DEPOIS

É sempre uma forma de incentivo saber de onde a gente veio e onde a gente conseguiu chegar. Anote seu peso, suas medidas, índices dos seus exames e aquilo que não te serve mais. Anote também onde quer estar, quais são seus objetivos, o que você espera e ainda aquela roupa que você vem guardando há um tempo.

Durante todo o processo, pequenas conquistas fazem toda a diferença. São elas que nos motivam e não deixam retroagir. Eu gosto de pesar diariamente, sempre no mesmo horário. Pra isso, eu uso um aplicativo, vou falar melhor pra vocês em breve. Assim, quando há variação de peso por retenção de líquido ou algo do tipo, eu não fico com a sensação de que falhei. O importante é ir olhando o gráfico e ver que, mesmo com oscilações, ele está em queda.

VAMOS JUNTOS!

Isso é muito importante. E se a gente começar juntos? Amanhã será o primeiro dia de todo mundo! Vamos dividir angústias, empolgações e descobrir um mundo novo de mãos dadas. Não espera o final de semana passar, não procura desculpas pra não fazer. Lá no face a gente tem um grupo onde podemos conversar, compartilhar e nos fortalecer. A gente sabe que é uma decisão importante e que vai mudar muita coisa, mas a mudança é pra melhor. Vem, eu te garanto que daqui a um ano você vai desejar ter começado hoje.

Semana que vem sai o post da minha primeira semana, meu peso, tudo o que comi, como foi e tudo mais, mas enquanto isso, a gente vai se falando e dando força. Bora?